Os 100 Melhores Álbuns Brasileiros de 2012 (com Download)

Os 100 Melhores Álbuns Brasileiros de 2012 (com Download)

64
Compartilhar

2011 roubou o que seria de 2012. Infelizmente, o ano passado não nos presenteou com grandes surpresas, novidades sonoras e tudo ficou guardado para 2013. Os poucos grandes artistas que lançaram álbuns não emplacaram e as novidades subiram no mastro sem discos geniais ou inesquecíveis, porém, na conjectura musical atual, os melhores do ano. Não foi difícil fazer uma lista de 100 melhores (na verdade, a primeira parte da lista chegou a ter 150 álbuns), o difícil foi se empolgar com o topo da lista.

100 ~ 76

100. Trupe Chá de Boldo – Nave Manha
99. This Lonely Crowd – Pervade
98. Lupe de Lupe – Sal Grosso
97. MarginalS – MarginalS
96. Panda Eyes – Kind Of Life
95. Los Bife – Super Supérfluo
94. Soulstripper – Soulstripper
93. Kamau – “…Entre…”
92. Sertanília – Ancestral
91. Abayomy Afrobeat Orquestra – Abayomy Afrobeat Orquestra
90. Cinema Mudo – Doses Homeopáticas
89. Sobre a Máquina – Sobre a Máquina
88. Naked Girls and Aeroplanes – Naked Girls and Aeroplanes
87. The John Candy – Dreamscape
86. Ludov – O Paraíso
85. Phillip Long – Caiçara
84. Amplexos – A Musica da Alma
83. Siba – Avante
82. Rivotrio 2mg – Tarja Preta
81. Banda Uó – Motel
80. Giancarlo Rufatto – A Vida Secreta das Referências
79. Wallace Costa – Brighter Than Pills
78. Tupiniquim – Estrada do Sol
77. Dimazz – Suite Amandita
76. Quase Coadjuvante – Cartas Para a Próxima Estação

75 ~51

75. Arthur Matos – Seu Lugar
74. O Padre dos Balões – O Padre dos Balões
73. Filarmônica de Parságada – Filarmônica de Parságada
72. Huaska – Samba de Preto
71. Los Sebosos Postizos – Interpretam Jorge Ben Jor
70. Twinpines – Beige
69. Bratislava – Carne
68. O Terno – 66
67. Phillip Long – Dancing With Fire (A Folk Opera)
66. Laura Wrona – R.H. Volcano
65. The Sorry Shop – Bloody, Fuzzy, Cozy
64. Beto Mejia – Abraço
63. A Trip To Forget Someone – A Trip To Forget Someone
62. Lestics – História Universal do Esquecimento
61. Pale Sunday – The Fake Stories About You And Me
60. FingerFingerrr – The Lick It
59. Fóssil – Mocumentário
58. Jesuton – Encontros
57. The Fist Corinthians – Dislocation
56. Violins – Violins
55. Mão de Oito – Um Dia Que Já Vem
54. Rafael Castro – Lembra?
53. Sambanzo – Etiopia
52. Benjamin – Dead Room
51. A Fase Rosa – EP

50 ~41

50. Rodrigo Campos – Bahia Fantástica (baixe)
49. Gabi Por Aí – Gabi EP (baixe)
48. Garoa – Umaída (baixe)
47. Phillip Long – Sobre Estar Vivo (baixe)
46. Bnegão & os Seletores de Freqüência – Sintoniza Lá (baixe)
45. Dead Lovers Twitsted Heart – Lóvi (baixe)
44. Fragile Arm – O Desdobramento de uma fé desacreditada (baixe)
43. The Cigarettes – The Cigarettes (baixe)
42. Hidrocor – Edifício Bambi (baixe)
41. Black Drawing Chalks- No Dust Stuck On You (baixe)

40 ~31

40. Madrid – Madrid (baixe)
39. We Are Pirates – Kids Pratice (baixe)
38. Medialunas – Intropologia (baixe)
37. Jair Naves – E Você se Sente Numa Cela Escura, Planejando a sua Fuga, Cavando o Chão com as Próprias Unhas (baixe)
36. Thiago Pethit – Estrela Decadente (baixe)
35. Faria & Mori – Outro Lugar (baixe)
34. Grandphone Vancouver – When The Echo Returns (baixe)
33. Some Community – Underconstruction (baixe)
32. Caetano Veloso – Abraçaço (baixe)
31. Céu – Caravana Sereia Bloom (baixe)

30 ~21

30. Fábrica – Fábrica (baixe | ouça)
A banda carioca Fábrica nasceu da paixão de Emygdio Costa pela música contemporânea, fazendo sua música junto com outros membros da cena da cidade.

29. Constantina – Pacífico (baixe | ouça)
O pequeno e sentimental EP da banda mineira trouxe o primeiro registro com vocais da discografia da banda. As participações são especiais e as versões belíssimas.

28. Clarice Falcão – EP (baixe | ouça | compre)
Lançamento de estréia da nova namoradinha da internet é doce e fofo como a autora. É um álbum recheado de letras de amor com uma boa pitada de bizarrice.

27. Metá Metá – MetaL MetaL (baixe | ouça)
Novo disco do cultuado time de músicos paulistas emula uma Clara Nunes experimental, com requintes afro e bastante atitude musical e surpresas.

26. Tulipa Ruiz – Tudo Tanto (baixe | ouça)
Tudo Tanto é um trabalho mais maduro e robusto da cantora Tulipa Ruiz. O disco não traz hits tão matadores quanto no primeiro álbum, mas surpreende e impressiona.

25. Tipo Uísque – Home (baixe | ouça)
Segundo EP da banda carioca lançado pelo selo SLAP, da Som Livre. Serve como encerramento de uma época, já que após o lançamento houve troca de integrantes.

24. Letuce – Manja Perene (baixe | ouça | compre)
Mais divertido e variado que o álbum anterior, Manja Perene enfatiza o belo caminho que o Letuce vem traçando dentro da música brasileira e anuncia belo futuro.

23. Macaco Bong – This Is Rolê (baixe | ouça | compre)
This is Rolê é um trabalho mais pesado e sujo do trio cuiabano, trazendo ao mesmo tempo a música mais pesada e a mais leve de toda a história da banda.

22. Thiago Elñino – Cavalos de Briga (baixe | ouça)
Uma das surpresas do ano, o registro de apenas 3 faixas surpreende pelo peso nas palavras e pelos precisos arranjos apresentados, fazendo Thiago ser uma promessa para 2013.

21. Curumin – Arrocha (baixe | ouça)
Ainda mais grooveado e forte, o novo trabalho solo de um dos bateristas mais concorridos da música brasileira mostra-o em sua melhor fase criativa.

20 ~ 11

20. Pentágono – Manhã
baixe | ouça
Um verdadeiro combo musical a favor das rimas, mostrando mais uma vez a força descomunal do rap paulista. Canções fortes, com beats marcantes e participações especiais pontuais favorecem o registro para ser o melhor lançamento de rap do ano.
19. Filipe C. – Silence
baixe | ouça
Uma das grandes surpresas do ano na música, o primeiro registro solo do multihomem Filipe Consoline surpreende pela leveza musical e a forma que a música envolve o ouvinte, conduzindo para bons minutos de diversão.
18. Single Parents – Unrest
baixe | ouça | compre
Os paulistas do Single Parents foram buscar nos Estados Unidos a sonoridade perfeita para seu registro de estréia, o pesado e decido álbum Unrest. Já de abertura, o matador single “Stop Waiting” já mostra a potencia do registro.
17. Esteban – ¡Adiós, Esteban!
baixe | ouça | compre
Disco de estréia de Esteban surpreende pelo distanciamente de sua ex e famosa banda, o Fresno, explorando uma sonoridade mais folk e fofa, para não dizer apaixonante. O registro é realmente belo e cabe a audição.
16. Cambriana – House of Tolerance
baixe | ouça
Com o apoio de vários blogs e verdadeiros hits dark/dance, o materal da Cambriana foi uma das principais surpresas na música do ano, dividindo opiniões e cobrindo ouvidos com músicas fortes e incrivelmente deliciosas.
15. Gambito Budapeste – Gambito Budapeste
baixe | ouça | compre
A junção de um casal apaixonado com sua boa música acabou resultando num registro especial e sentimental, trazendo um pouco do Do Amor a música doce de Nina Becker. Um álbum para se ouvir a cada estação.
14. Holger – Ilhabela
baixe | ouça | compre
Polêmico e questionado, Ilhabela trouxe um Holger mais difícil na primeira ouvida, porém ainda mais contagiante e confiante. O trabalho assusta, mas dá um gosto de quero mais que acaba fazendo o ouvinte gostar do trabalho.
13. Phill Veras – Valsa e Vapor
baixe | ouça
Último trabalho ouvido para compor esta lista, o registro de estréia de Phill Veras é um trabalho emocional, doce e detalhado, com cheiro de rosas e espinhos dolorosos. Belo em todas as partes, leva como destaque a faixa tema e “Vícios”.
12. Sexy-Fi – Nunca te vi de boa
baixe | ouça | compre
Dissidentes da Nancy, antiga banda brasiliense com início meio e fim pouco conhecidos, lançaram um trabalho conciso e diferente, contando o cotidiano da sua cidade natal com charme e gírias, das ruas as pessoas.
11. Leonardo Marques – Dia e Noite no Mesmo Céus baixe | ouça
Ex-Udora e atualmente como um dos integrantes da incrível banda mineira Transmissor, Leonardo lançou um curto mas belíssimo trabalho solo de estréia. O disco tem a marca de suas músicas, além de participação especial do guitarrista do Maroon 5.

10 ~ 1

10. Onagra Claudique – A Hora e a Vez

baixe | ouça

São só três musiquinhas, mas um delicioso momento musical. O Onagra Claudique mostrou mais uma vez que a simplicidade em favor da música sempre acaba trazendo bons resultados. A voz doce e o arranjo bem desenhado conduzem o ouvinte por melodias suaves e extremamente belas, prometendo que o Onagra será um dos grandes nomes de 2013 com seu primeiro disco completo.

9. Lucas Santtana – O Deus Que Devasta Mas Também Cura

baixe | ouça

Apesar da visão densa que os dois primeiro single passam, a faixa título e “Para onde irá essa noite?”, este é um registro festivo e o maior já feito por Lucas, se distanciando da questão intimista proposta no último lançamento e investindo em arranjos e timbres ainda mais complexos e inesperados. Uma fileira de hits anuncia este álbum para nossos ouvidos e os shows pontuam o resultado.

8. Rosie And Me – Arrow Of My Ways


baixe | ouça | compre

Uma das maiores perdas na música neste ano veio com o anúncio da paralisação das atividades do Rosie and Me – justamente no ano em que o combo curitibano, liderado pela simpática Rosanne Machado, lançou seu tão aguardado álbum de estréia, após bem sucedido EP. É um trabalho mais maduro e próximo da sonoridade folk indie americana, adocicado pela voz de Rosanne e abrilhantado pelos arranjos da banda.

7. Tereza – Vem Ser Artista Aqui Fora


baixe | ouça

O controverso trabalho da banda niteroiense alcançou públicos diferentes e modificou a linha musical que vinha seguindo, sem deixar de ter a marca que a Tereza criou para si. Dançante e bastante pop, o disco quebra preconceitos e cresce ainda mais nos shows explosivos da banda, produzindo hits instantâneos como “Sandau” e “Calçada da Batalha”. Não por acaso foram agraciados com o Experimente, do Prêmio Multishow, em votação popular.

6. Vivendo do Ócio – O Pensamento É Um Ímã


baixe | ouça | compre

Quebrando paradigmas e abrindo o leque do público, o segundo trabalho dos baianos do Vivendo do Ócio é mais maduro e consistente que seu antecessor, com letras que mostram sua terra natal e o novo momento que vivem em São Paulo. A pegada roqueira está ainda bem presente, mas não é a única marca no disco, já que agora exploram riffs mais leves e contagiantes, além de surpresas sonoras como “Dois Mundos” e sua batida eletrônica.

5. Mahmundi- Efeito das Cores


baixe | ouça

Impossível pensar em 2012 sem lembrar a beleza e surpresa auditiva que foi o encontro de Efeito das Cores, da Mahmundi, com os ouvidos do mundo. O registro traz uma moça sensualizando o pop e utilizando aparatos eletrônicos com a firmeza de grandes artistas oitentistas, mas com o aval dos maiores nomes da música brasileira, além da ajuda de Lucas de Paiva, um verdadeiro mago das batidas. O primeiro álbum da cantora já está agendado para o primeiro semestre deste ano.

4. Far From Alaska – Stereochrome


baixe | ouça | compre

Chegaram de fininho diretamente do Rio Grande do Norte, mas trouxeram na bagagem um som forte, com timbregem rasgada e vocal femininos invejáveis, remoendo um The Dead Weather tupiniquim. Com gravação no estúdio Do Sol e mixagem de Chuck Hipólitho, ficou fácil serem, logo no primeiro show, convidados a abrirem os trabalhos do festival Planeta Terra 2012 e com isso ganharem públicos além do Nordeste. Agora ficamos no aguardo do disco de estréia.

3. El Efecto – Pedras e Sonhos


baixe | ouça

Dado por muitos como uma grande revelação do ano, mesmo sendo este o terceiro álbum da banda, o El Efecto misturou ritmos regionais com o peso da guitarra, com músicas que soam perfeitamente pop mesmo tendo seis ou oito minutos de duração. Além do maior destaque do álbum, a faixa “O Encontro entre Lampião e Eike Batista”, vale também citar músicas como “Pedras e Sonhos”, “N’hagadê” e a oração irônica de “Adeus Adeus”. As letras são outro ponto forte do trabalho, sempre com algum cunho crítico e uma opinião sensata, abrilhantando os já complexos arranjos da banda.

2. Lemoskine – Toda a Casa Crua


baixe | ouça | compre

Simpatia, honestidade e beleza. Os trabalhos que envolvem Rodrigo Lemos sempre trazem esta marca. Músico dotado de uma qualidade sentimental invejável, Rodrigo é capaz de compor peças realmente interessantes e diversificadas, seja em letra ou melodia, e sempre causa algo dentro de nossos corações. Além de emplacar shows e lançamentos com A Banda Mais Bonita da Cidade e Naked Girls and Aeroplanes, o lançamento de Toda Casa Crua serviu para mostrar a criatividade dentro da cabeça do músico, nos dando um registro de beleza ímpar e sentimento de fácil percepção. O disco é gostoso dentro de suas variações sonoras e ainda guarda belíssimas músicas como “Música de Novela” e “Cabeça de Disco”, além de “Computadores Românticos” e “Toda Bonita”.

1. Silva – Claridão

baixe | ouça | compre

Claridão é o resultado que um verdadeiro prodígio musical nos entrega para audição em pleno um ano de ascensão do sinthpop no Brasil, o colocando na vanguarda do estilo em nossas terras. O disco une uma remasterização do EP de estreia do capixaba com canções inéditas que formam a certeza do seu talento. Além da voz doce passeando pelas músicas, os arranjos mesclam a formação clássica do rapaz com o indie americano, que junto com alguma influencia regional nas batidas, transformam o trabalho do SILVA em um conjunto único de acordes em favor da boa música. A primeira música de trabalho, “A Visita” traz logo de cara o contra-ponto instrumental do ukulele e do violino trabalhando juntos. Mas a maior marca do trabalho fica por conta dos fraseados produzidos pelos sintetizadores de Lúcio Souza, o nome por trás da música. Canções como “Falando Sério”, “Claridão” e “Ventania” ganham toda a sua potência pela união dos potentes riffs de sinth com a força descomunal das batidas produzidas, resultando assim num disco animador para o futuro da música brasileira.

______________________________________________________________________________
Todos os links aqui presentes foram achados na internet e não temos nenhuma responsabilidade por eles. Se você é um dos artistas e não gostou do link aqui, entre em contato com a empresa que o hospedou para retirar do ar. Links quebrados não serão substituídos.

Agradecimento especial ao Ruan de Almeida e Clara Cortêz pela ajuda na montagem do post.

64 COMENTÁRIOS

  1. Apesar de não concordar com muita coisa, achei uma das listas mais corajosas que eu vi. Porque pelo menos colocou em lugares ‘secundários’, dentro do possível, gente pouco relevante que ficou no topo da maioria das outras listas. A única ausência que deve ser mencionada, mas que não é exclusiva dessa lista, embora esta se pretenda ser mais exaustiva, é o EP do Lê Almeida, que certamente foi das melhores coisas do Ano.

  2. o que dizer de uma redação que dá ouvidos a “artistas” quase plagiadores como Phillipe Long ou Rosie & Me? ouçam música, glr!!
    tenho pena de quem segue essa linha de raciocínio para cena musical brasileira.. ainda bem que vcs não tem projeção alguma.
    mais sorte em 2013.

  3. que lista bonita, fiquei curiosa com várias bandas que não conheço (e que parecem bem interessantes), e outras tantas que conheço e já fazem parte da minha playlist diária. o brasil tá com muita coisa boa surgindo!

    mas senti falta da karina buhr e do pélico!

  4. Lista muito boa e discordo do White Wolf 88, a musica brasileira está muito boa, vc só precisa procurar, pois existem artistas incríveis que a mídia não mostra, parabéns pela lista!

  5. É mais ou menos ou que as outras listas publicaram. Tirando exceções e o numero de álbuns. É album pacas!!! Só não gostei da posição do Jair Naves e Kamau. Respondendo a monica esses são de 2011. Valew Rock In Press, ótimo trabalho.

    Bora dowloadear!!!

  6. Lista está bem completa, só ao meu ver trocaria a ordem, deixaria Jair Naves entre os 10.

    Senti falta do Otto. Mesmo que fosse no 100º lugar.

    De toda forma, parabéns pela lista criada.

  7. Lista muito boa, ousada, com varias novidades e saindo da mesmice das mídias… Parabéns, muito bom ver aí os que já apostamos, e aproveitar para conhecer os que nao ouvimos ainda.

  8. Muito boa a lista. Só não concordo com as colocações. Concordo com a afirmação de que é difícil se empolgar com o topo da lista. Os mais empolgantes álbuns estão entre o vigésimo e o centésimo lugar.

  9. Eis a questao? Aonde estaria Otto, Tata’ Aeroplano? Siba entre os 10? A maior revelacao foi Estrada pro Sol de Tupiniquin, que e’ incrivel, beijos,tchau

  10. Lista interessante para enriquecer o repertório do dia a dia. Dica: Benjamins – Ando bem alto. Mereciam estar na lista.

  11. PUTZ, incluir TipoUísque na lista, ainda mais na frente de Tulipa foi de uma benevolência tamanha…

  12. […] nisso ao abrir link que Ronaldo Lemos (ele deveria ser coautor desta coluna) me mandou para a lista de 100 melhores discos brasileiros de 2012, seleção do Rockinpress (que se diz “a página bege da música brasileira”): nunca nem tinha ouvido falar de […]

  13. Uau, parabéns pela lista! Confesso que desconheço a maioria esmagadora das bandas listadas, e esse top 100 será um checklist para conhecê-las. Já estou ouvindo (e gostando de) Sexy Fi.

  14. Não estou preocupado com a posição que cada álbum foi colocado na lista e sim na divulgação de 100 álbuns lançados no Brasil em 2012. Acrescento à lista: Otto e Tom Zé.

  15. Eu sou mega fã do Esteban, mas esperei mais do CD que ele arrastou por tanto tempo. Dizer que o álbum foi melhor do que Tudo Tanto e Caravana Sereia Bloom é realmente estranho.

  16. […] Depois d’O Terno, Rafael Kent chamou a Tulipa Ruiz para comemorar a chegada de 1 milhão de views num dos estúdios mais quentes de SP (Kent, Quente? Hã hã?). Com sua voz marcante, a paulista deu uma nova roupagem a canção “OK”, música presente em seu último álbum, Tudo Tanto, 26º em nossa lista de melhores do ano passado. […]

  17. Achei a lista boa, só acho que deveria mudar o título da lista pra qualquer outra coisa MENOS melhores albuns brasileiros porque realmente é complicado. é como uma galera já tinha comentado, grandes cantores, compositores não estão incluídos nas listas que foram e são absurdamente importantes no cenário musica brasileiro.

  18. Fala serio a MPB nao morreu nao!!!! mas tem cada playboyzinhos(as)…..fazendo sub-Caetanos…e olha la….

  19. Fala serio a MPB nao morreu nao!!!! mas tem cada playboyzinhos(as)…..fazendo sub-Caetanos…e olha la…

  20. "Metal Metal" do Metá Metá deveria no mínimo estar no top5. Pessoalmente é meu favorito do ano dentre os que conheço. Na minha opinião é um dos grandes discos nacionais lançados nos últimos 5 anos.

DEIXE UMA RESPOSTA